JAPAMALAS O que você precisa saber sobre ele!


Alguns objetos são muito importantes para a sua espiritualidade e os Japamalas entram nessa lista. De uso milenar, esse cordão de contas é utilizado por muitas tradições como forma de marcar orações e mantras. Se você não conhecia ou não tem ainda o seu, vem comigo que eu te explico.

Japamala é uma junção de duas expressões: os sânscritos “Japa”, que significa “sussurrar” ou “murmurar” e “Mala”, que significa “cordão de contas”. Pode-se assim dizer, que Japamala é um cordão de contas usado para orações e mantras.

O comum é que o Japamala tenha 108 contas. Essa quantidade é padrão, mesmo que hajam modelos com divisões. Para os místicos, o número 108 é a representatividade do número 9 (1+0+8=9), considerado sagrado para os Hindus e muitas tradições. Há muitas outras explicações para o número 108 ser considerado especial e sagrado.


Você pode utilizar para mantrar os kodotamas do REIKI, ou hoponopono, ou os mantras de sua preferência.


Este objeto e sua prática ajudam a colocar nossa energia em movimento enquanto a mente libera tensões e ansiedades oriundas do ritmo imposto pelo nosso cotidiano. Uma vez que a mente está limpa, ela é capaz de focar no que é necessário para a nossa felicidade e equilíbrio, para assim, vivermos no agora plenamente. Quanto mais você utilizar sua mala, mais imbuída de sua própria energia ela será.


São inúmeros os mantras que podem ser entoados. Coloque sua intenção e escolha o mantra que julgar mais propício ao momento.


O japamala vai ajudá-lo nas suas práticas espirituais. Ele não é obrigado, mas ajuda bastante nesse processo de elevação. Para algumas tradições, você mesmo deve montar o seu japamala, com contas que tenham algum material de ligação. Porém, não descarte a possibilidade de comprar um japamala já pronto, principalmente se você está iniciando com os mantras.

0 visualização0 comentário